Não Se Desespere: Nós Vamos Falhar!


UMA VISÃO CENTRADA SOBRE A HUMANIDADE, SUA HISTÓRIA E SEU FUTURO

Numa perspectiva 100% bíblica, não existe referência sobre o retorno d’O Senhor Jesus Cristo em condições pacíficas, com a humanidade civilizada, pacífica e desenvolvida, gozando de uma estrutura global em pleno e perfeito funcionamento… a profecia registrada não passa nem perto disso!

“Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite;
Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão.” (1 Tessalonicenses 5:2–3)

Já escrevi um artigo sobre esse tema, mas gostaria de destacar aqui o uso da expressão “quando disserem”, que, além de um sujeito indeterminado (quem disse??), aponta a propalação de mais uma mentira bem nos moldes de recentes discursos políticos como “eu paguei a dívida externa do Brasil” ou “sou a alma mais pura do Brasil”…
Se o autor da passagem quisesse, de fato, indicar a condição estável mencionada na passagem iria registrar “quando houver” ou ainda “quando se alcançar paz e segurança”, mas a observação atenta leva a outras questões: que procedimentos serão tomados para que se comecem a fazer tal afirmação? Que tipo de “paz” será alcançada… a paz da imoralidade? E a “segurança”… quem será excluído ou aprisionado para que seja atingida?

Tenho acompanhado a destruição moral e algumas das manobras sórdidas promovidas pela esquerda no Brasil e no mundo: erguem bandeiras clamando por paz, tolerância e liberdade, mas essa aura de bondade e pureza desvanece ante a mínima discordância!

https://www.instagram.com/p/BRXTPiyBOCx/

Eles mentem, agridem (verbal e fisicamente), se fazem de vítimas e manipulam tudo o que estiver a seu alcance para implantar qualquer uma e, se possível, todas as suas ideologias absolutamente sórdidas… mesmo que genuinamente bem intencionadas, pois há duas características marcantes da humanidade:

  1. O ser humano, em sua configuração básica, se opõe naturalmente a Deus. Não há sequer um que seja bom!
  2. Mesmo conhecendo Deus, é da natureza humana o ato de desafiar os limites, estar descontente com o que tem… por melhor que seja!

Dessa forma, mesmo os corações mais bem intencionados, quando encontram condições ideais — tempo, alimento, saúde… — para desenvolver alguma coisa que imaginam ser “nova”, acabam sendo apenas capazes de criar (ou redescobrir) formas de impregnar com imoralidade e imundície o mundo em que vivemos!

“Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem.
Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço.
Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.” (Romanos 7:18–20)

Por toda a extensão da Bíblia ninguém é forçado a compartilhar nada, pois a grande lição é sobre a caridade espontânea e amorosa… nunca pela força da lei estatal como idealizado nos regimes como o comunismo e o socialismo, onde impera a medida rasa para (quase) todos em nome da “igualdade”.
Fora, no processo de implantação, o flerte protetor com padrões morais abjetos, onde é proclamadas “tolerância” e “aceitação” aos praticantes de imundícies inomináveis, cujas opções pela degradação moral são comparadas à involuntária cor da pele com que se nasce (e notem que esse amor todo só vai até o estabelecimento pleno do governo: após isso podem optar por agir como a “religião da paz” ou o pessoal de Cuba…).

Venho denunciando o que seriam “distúrbios de cognição” semelhantes, se não piores, a esses por mais de dez anos e, infelizmente, há pouco que, em nossa restrição humana, possamos fazer: se há muitos membros de empresas eclesiásticas claramente emocional e intelectualmente possessos, mais deploráveis e alarmantes ainda são as condições dessa gente que intensamente se opõe a qualquer coisa que se relacione ao Senhor Deus!
Tenha sempre em mente que a palavra “deus” é apenas um designativo de função e, dependendo de quem a pronuncie, pode ser desde uma referência ao próprio umbigo até a indicação ao próprio satanás!

E é dessa forma, numa militância intensa e se unificando, que os defensores das máculas estão crescendo e se multiplicando, alcançando cargos políticos, mudando leis, arrebanhando e doutrinando nas escolas em nome de um suposto “bem comum” para toda a humanidade.
Até pensei em acrescentar “se fazendo de vítimas” — coisa em que são especialistas — à lista acima, mas, infelizmente e para a vergonha de quem aspira ao bem maior: se sem que nada aconteça esses seres sabem ganir e ganhar atenção, ainda mais estardalhaço farão se encontrarem justificação em suas denúncias… e é isso que os “bons” querem e podem estar prontos a fazer.

A Direita

“E os teus ouvidos ouvirão a palavra do que está por detrás de ti, dizendo: Este é o caminho, andai nele, sem vos desviardes nem para a direita nem para a esquerda.” (Isaías 30:21)

Minha pétrea convicção cristã não me impede de ser politicamente anarquista, ou, explicando melhor, o conhecimento da Bíblia me ensinou a não depositar fé ou esperança em homem algum: detesto intensamente o degradação acelerada imposta à humanidade pela ideologia de esquerda, porém tenho grande receio das medidas extremas que podem ser tomadas por alguns bem intencionados líderes de direita!

“Assim diz o Senhor: Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do Senhor!” (Jeremias 17:5)

Apesar de muitos estarem se entregando com entusiasmo às doutrinas de demônios (e até querendo tornar seu corpo humano em aberrações que remetam a eles), ainda há grande, talvez a maior, parte de pessoas direcionadas a uma estrutura tradicional biblicamente fundamentada: não é nem um pouco desprezível o número de pessoas que lotam as empresas eclesiásticas com apelo cristão — evangélicas ou católicas — só por seguir uma tradição, mesmo que sequer tenham dedicado um pouco de si próprias — tempo para leitura e raciocínio — à base de sua fé, aceitando tudo o que é dito pelos representantes das franquias que são entronizados em seus púlpitos e elevados à condição de semi-deuses, inquestionáveis e inerrantes… essa é a gente cuja existência da fé depende de milagres e não da Palavra, que é a Verdade!

Disse-lhe Jesus: Porque me viste, Tomé, creste; bem-aventurados os que não viram e creram. (João 20:29)

De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus. (Romanos 10:17)

A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira,
E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.
E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;
Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniquidade. (2 Tessalonicenses 2:9–12)

Perdão pela sequência de passagens bíblicas, mas a chave para escapar dos enganos é o simples conhecimento da Palavra de Deus e todos aqueles que se recusam a isto — dos que se opõem com violência aos que se submetem, pela ignorância, às autoridades de um sistema religioso corrupto — estão passíveis de sucumbir à “operação do erro”… e parte do erro é querer forçar aqueles que não creem a fazê-lo!

“Mas não entres em questões loucas, genealogias e contendas, e nos debates acerca da lei; porque são coisas inúteis e vãs.
Ao homem herege, depois de uma e outra admoestação, evita-o,
Sabendo que esse tal está pervertido, e peca, estando já em si mesmo condenado.” (Tito 3:9–11)

Infelizmente a criação de leis seculares que impeçam a iniquidade de prosperar, especialmente se explicitamente baseadas nos preceitos religiosos, só causa ainda mais revolta nos progressistas “buscadores de liberdade” que buscam um tal “estado laico” onde, tal qual no conto “O Muro”, é esquecido que quem não está firmemente com Deus (e, sim, isso envolve diretamente o conhecimento da Palavra por si próprio!), já está nas mãos do adversário.

Eu, mesmo anarquista, não teria muitos problemas para me submeter a um sistema conservador, porém o povo vermelho não apenas iria transgredi-lo, mas fazer questão de inventar as formas mais absurdas e obscenas de contrariá-lo! Essa gente esdrúxula que deixa os pêlos do corpo crescendo enquanto raspa a cabeça, acredita que andar suja de sangue é alguma forma de “quebrar o tabu” e vai à praça para penetrar suas vergonhas com símbolos religiosos (e depois pedem “tolerância”…) iria inventar coisas ainda mais animalescas e demoníacas!
Aliás, só para informar, são principalmente esses os “invólucros latentes” para demônios que, quando se manifestarem, irão destroçar com alegre selvageria e viva violência os poucos que ainda se santificarão e buscarão pelo Senhor em espírito e em Verdade.

“E abriu a sua boca em blasfêmias contra Deus, para blasfemar do seu nome, e do seu tabernáculo, e dos que habitam no céu.
E foi-lhe permitido fazer guerra aos santos, e vencê-los; e deu-se-lhe poder sobre toda a tribo, e língua, e nação.” (Apocalipse 13:6–7)

Não posso deixar de registrar que, infelizmente, qualquer líder que tente promover algum retrocesso nessa degradação só irá acabar acelerando o processo… é como tentar conter o vazamento de uma represa usando um dedal: os limites, meus caros, já foram removidos… e, nesta terra, nunca mais voltarão!

Não removas os antigos limites que teus pais fizeram. (Provérbios 22:28)

Imprestáveis

Enfim, sinto informar a quem não havia percebido, mas a função do ser humano — e parece que de toda a matéria — é FALHAR: nada é eterno, pois até o concreto mais duro vai rachar e o metal mais resistente… oxidar!
Os corpos — mesmo os mais bem cuidados, se alimentando da melhor forma e gozando das melhores condições ambientais — não foram feitos para superar o tempo: se não por acidente e nem pela doença, os próprios órgãos irão falir pela decrepitude.
As virtudes dos céus já foram abaladas!
Aliás, tudo o que a humanidade até hoje possa ter criado na intenção de atingir a eternidade… falhou miseravelmente!

Da mesma forma, quando tentamos assumir as rédeas do mundo espiritual estamos destinados a falhar e, pelo incontável número de religiões e denominações que existe, não faltaram tentativas.

“Disse-lhe Jesus: Eu sou O caminho, e A verdade e A vida; ninguém VEM ao Pai, SENÃO POR MIM.” (João 14:6)

De todas os milhares e milhares de “caminhos espirituais” que possam ter existido e ainda existam, sinto informar que apenas um teve a coragem de assumir em si próprio essa responsabilidade:
Ele, “A Verdade”, disse que fazer o bem é bom, mas de nada isso importa na salvação;
Ele menciona os que o adoram, mas que isso seja necessariamente “em espírito e em Verdade”;

Enfim, quando alguém é alcançado pela Verdade — já que ninguém nunca a alcançará por sua própria vontade — recebe a maior dádiva de toda a existência e sequer pode se orgulhar disso, pois não há mérito próprio algum nisso, mas apenas graça… A GRAÇA SOBERANA DE DEUS!

https://www.instagram.com/p/BQs3ZMKBHLU/

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; 
Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.” (João 1:12–13)

Enfim, diante desses dias horrorosos e cada vez piores, decidi redigir estas linhas não apenas na intenção de concatenar informações bíblicas e fatos que testemunho, mas numa tentativa de tranquilizar, a mim e a quem possa estar lendo, sabendo que devemos prosseguir fazendo o nosso melhor a cada dia, sem esmorecer e, principalmente, sem nos desesperar, pois tudo isso é cumprimento profético e, no final, tudo (material) vai acabar dando errado mesmo, pois só então — no espírito e pela Graça — tudo irá ser corrigido.

Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver.
E, se aqueles dias não fossem abreviados, nenhuma carne se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias. (Mateus 24:21–22)

Diante disso, até fico contente ao perceber que me custou quase um dia para escrever esse simples texto que, há dez anos, escreveria em uma simples manhã: naquela época eu pensava que iria convencer o mundo e me envolvia em debates acirrados… hoje, cansado de ter de repetir as mesmas coisas aos preguiçosos incapazes sequer de realizar uma busca no Google, já sei que não tenho poder algum e nem estou disposto a debater com possíveis discordantes, apenas registro porque foi o momento para tal.

“Paz seja com os irmãos, e amor com fé da parte de Deus Pai e da do Senhor Jesus Cristo.
A graça seja com todos os que amam a nosso Senhor Jesus Cristo em sinceridade. Amém.” (Efésios 6:23–24)

Obrigado por sua atenção

Um comentário sobre “Não Se Desespere: Nós Vamos Falhar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.